Brasil o país do CSGO

Mohamed Fahs

O país sempre foi considerado o país do futebol, pelo fato de ser pentacampeão do mundo, mas recentemente podemos considerar como país do Counter strike, por causa do sucesso que foi o major no RIO, o maior evento do mundo do e-sports ocorreu no Rio de Janeiro, em que estavam os maiores jogadores do mundo disputando pelo título.

Porque foi um sucesso?

O sucesso vem diante de dois fatores, o primeiro pelo streamer Gaules, que transmitiu e narrou todos os jogos, o impacto dele é importante diante que foi um dos críticos por este evento nunca ter acontecido no país, e pela luta para que a comunidade de esports seja respeitada e bem vista, por tudo que já foi falado. Os jogadores do campeonato elogiaram a transmissão dele, por ser única.

Outro fator importante, foi a torcida que lotou o estádio todos os dias, fazendo uma festa jamais vista, havia torcida organizada, cantos, hino nacional e muito mais, o estádio que cabia entorno de 15 mil pessoas, virou um estádio de futebol, um verdadeiro caldeirão. Para se ter uma noção, os jogadores não conseguiam escutar o jogo mesmo com fone de ouvido, o barulho foi tanto que até dava para escutar na transmissão do Gaules.

O sucesso do evento foi enorme que foi anunciado mais um evento no Rio de Janeiro para 2023, precisou fazer um evento no Brasil para perceber a diferença dos demais países, pois nunca teve uma festa desta magnitude em que nos outros eventos os torcedores ficam mais tranquilos, aqui foi diferente parecia um estádio de futebol, com bandeiras, baterias, vuvuzelas e mais, isso mostra que o Brasil vem se tornando o país do Counter strike, melhor dizendo o país do esports.

Torcedores e equipe de transmissão do IEM Major Rio 2022 no Riocentro — Foto: Adela Sznajder/ESL