Programa Municipal de Coleta Seletiva de Recicláveis passa por mudanças no atendimento

Com a inclusão de novas cooperativas à iniciativa, desde 27 de dezembro o atendimento aos bairros vem passando por reformulação.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente, em conjunto com as cooperativas de catadores contratadas para a operação do Programa de Coleta Seletiva de Recicláveis, disponibilizou um mapa interativo para que moradores façam a consulta das rotas de coleta, em virtude do período de adaptação da iniciativa.

Basta acessar a página da Divisão de Gestão de Resíduos Recicláveis, no site da Prefeitura de Foz do Iguaçu, através do link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/publicacao-447, digitar o endereço e clicar no mapa para saber o dia em que passará o caminhão da coleta.

Durante o mês de janeiro, período de adaptação, catadoras e catadores estão sendo assistidos pelos servidores da Secretaria de Meio Ambiente, por isso o mapa poderá passar por alterações. Por ser uma ferramenta interativa, as modificações são dinâmicas. Muito em breve, a população poderá acompanhar a rota dos veículos com acesso ao serviços de GPS, em tempo real.

Sobre o Programa

O programa Municipal de Coleta Seletiva de Recicláveis foi implantado em junho de 2018, inicialmente na região da Vila C. A expansão foi dada de forma gradativa e, em dezembro de 2019, chegou a 100% de atendimento dos domicílios da área urbana residencial. Em fevereiro de 2020, iniciou o atendimento na área rural.

A iniciativa possibilitou que 5.685,83 toneladas de resíduos recicláveis deixassem de ser enviadas ao aterro sanitário, aumentando a vida útil do mesmo. Além de retornar para a cadeia produtiva, tais resíduos promovem geração de renda para as famílias dos catadores integrados ao programa.

Em 2021, com o objetivo de agregar e incluir o maior número de organizações formalmente constituídas por catadores de materiais recicláveis, a Prefeitura publicou chamamento público que previa o credenciamento de cooperativas e/ou associações formadas por catadores, considerando sete lotes, representados pelas Unidades de Valorização de Recicláveis (UVR) aptas para o recebimento e triagem dos resíduos. Cinco cooperativas se inscreveram no processo, das quais quatro são organizações novas.

Cada lote é constituído por uma UVR com os equipamentos para recebimento e triagem dos materiais, um caminhão e uma área geográfica definida para a coleta dos recicláveis, que deve ser atendida com coleta durante a semana.

Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia.php?id=49501